Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

Exportação gaúcha alcança mercados de 210 países

Publicação:

Exporta
Exporta - Foto: Denison Fagundes

O Rio Grande do Sul é o estado brasileiro que tem a exportação como principal gerador de sua economia.  Vinte por cento (20%) do que é produzido pela indústria de transformação é exportado e o agrobusiness, especialmente, a soja, é outro segmento líder no comércio exterior do estado. Nas exportações gaúchas a China é o principal destino, seguido pela Argentina e Estados Unidos. Para o secretario adjunto da Secretaria do Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia, Evandro Fontana, que representou o governador José Ivo Sartori, no lançamento do 45º Prêmio Exportação RS, ocorrido nesta sexta-feira (19) durante evento no Sheraton Hotel “o governo do Estado está ativo no sentido de criar as condições para que o setor seja cada vez mais competitivo no mercado global.” Fontana assinalou, ainda, a vinda da Fraport AG Frankfurt, que deverá contribuir para o desenvolvimento da logística.  No ano 2000 o Rio Grande do Sul exportava para 176 países e em 2016, as exportações gaúchas foram destinadas para mercados de 210 países.

O prêmio Exportação RS é considerado o maior evento do seu segmento no sul do Brasil, distinguindo as empresas que obtiverem os melhores resultados mercadológicos e desenvolveram estratégias inovadoras para incluir produtos no mercado internacional.  A Secretaria do Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia – SDECT é uma das 18 instituições que compõem o Conselho do Prêmio Exportação RS, juntamente com a Apex Brasil, Agenda 2020, ADVB/RS, Badesul, Banco do Brasil, Banrisul, BRDE, FARSUL, Federasul, Fecomércio-RS, FIERGS, Fundação de Economia e Estatística, Movimento Brasil Competitivo, Porto de Rio Grande, PwC, Programa Gaúcho da Qualidade e Produtividade e UFRGS. No evento que assinalou o lançamento da 45ª edição do Prêmio Exportação RS o secretário de Comércio Exterior do Ministério da Indústria, Comércio Exterior e Serviços (MDIC) Abrão Neto, abordou aspectos sobre o atual cenário exportador brasileiro

Para o presidente do Conselho do Prêmio Exportação RS, Ricardo Malcon, “em um ambiente de economia interna desfavorável,  o mercado internacional representa uma oportunidade. Mas comercializar produtos para o exterior não depende apenas de preços competitivos” alertou. E assinalou que é preciso “políticas públicas de incentivo, acordos comerciais no âmbito internacional, logística eficiente e qualidade das entregas das empresas”.

Exporta/RS

A Secretaria do Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia, mantém ativo o programa EXPORTA-RS que visa ampliar e consolidar a participação de empresas gaúchas no mercado internacional, em especial micro, pequenos e médios empreendimentos, através do atendimento personalizado daqueles que desejam identificar suas possibilidades de exportação e/ou importação, bem como, da difusão de oportunidades e de informação. Através do EXPORTA/RS são oferecidos os serviços de elaboração de estudos sobre mercados em potencial, prospecção de oportunidades, identificação de potenciais clientes, orientação sobre comércio exterior e indicação de cursos de qualificação.

Secretaria do Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia