Governo do Estado do Rio Grande do Sul
Início do conteúdo

Cachoeirinha quer comunidade mobilizada para absorver tecnologia

Publicação:

2017 12 05 Vereadores de Cachoeirinha Marcio e Suzana (1)
Reunião avalia projetos tecnológicos - Foto: Divulgação SDECT

A mobilização da comunidade de Cachoeirinha em torno de um projeto de construção de um polo tecnológico com a atração de startups de TI foi avaliada pelo secretário Márcio Biolchi, do Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia, ao receber nesta terça-feira (5) o vereador Ibaru Rodrigues, representantes do vereador Alcides Gattini e o secretário municipal de Sustentabilidade, Trabalho e Desenvolvimento Econômico, Nelson Martini. Na reunião que contou com a participação da diretora do departamento de Ciência Inovação e Tecnologia da SDECT, Suzana Sperry, foram definidos os encaminhamentos que serão providenciados pela frente parlamentar da Câmara de Vereadores da cidade que trata de ciência, tecnologia e inovação. Na oportunidade Márcio Biolchi lembrou a recente reunião com o embaixador de Israel no Brasil efetivada na SDECT oportunidade em que o diplomata apontou as oportunidades de negócios e a troca de experiências que podem ser realizadas com aquele país. “O diplomata israelense assinalou que Israel superou as dificuldades com a experiência de transpor desafios, gerando tecnologias avançadas e criando, assim, oportunidades para muitos setores”.

A frente parlamentar projeta reunir empresários ligados ao Centro das Indústrias de Cachoeirinha e a Associação Comercial de Cachoeirinha, além do SEBRAE, SENAI e a SDECT que mostrará como o programa DesenvolveRS pode atuar como agente facilitador e fomentador para que empresas locais possam atuar em parceria no fornecimento de insumos para novos produtos ou ampliação de investimentos no Estado. A SDECT dispõe, também, do programa de Arranjos Produtivos Locais (APLs), parques, polos e incubadoras tecnológicas desenvolvidos em parceria com universidades gaúchas. O Rio Grande do Sul conta com doze incubadoras de base tecnológica, 27 polos e doze parques tecnológicos credenciados no programa.

Secretaria do Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia